O que é bid no setor de transportes?

O que é bid no setor de transportes

O que é bid ou bidar? A utilização deste termo é comum entre profissionais de transportes, no entanto, para muitos ainda gera estranheza e confusão. Para entender melhor o que é bidar, basta relacionar a economia de recursos.

O objetivo de empresas, hoje ou há dez anos, sempre foi o mesmo: reduzir custos. Bid ou bidar é isso, economizar.

Mas é possível fazer bid sem transferir custos ao cliente? Sim! Neste artigo saiba o que é bidar e como colocar esta ação em prática de forma adequada.

O que é bid?

A palavra “bid” é originária da língua inglesa. No português, sua tradução significa fazer um lance, aposta, ofertar.  No dia a dia, de forma aportuguesada, é usada através do verbo bidar.

Bidar (ou realizar o bidding process) no setor de transportes e logística é sinônimo de reduzir custos. Ou seja, está relacionado à todas as atividades desenvolvidas para a empresa economizar seus gastos e, por consequência, aumentar a lucratividade.

Como bidar no segmento de transportes

Alguns profissionais de logística imaginam que a única saída para praticar o bid é fazer cortes, mas não é bem assim. Mudar hábitos e utilizar as ferramentas tecnológicas corretas são ações que podem trazer o resultado esperado.

Separamos alguns exemplos de o que é bid na rotina de trabalho de uma empresa do ramo de transportes.

Tenha uma gestão financeira eficiente

Para bidar a primeira tarefa é reconhecer e obter o controle de todos os custos da empresa. Descubra quais são as atividades que geram mais despesas e aquelas com o rendimento esperado.

Separar custos fixo e variável é uma alternativa para iniciar esta organização financeira. Ou seja, despesas que não mudam de acordo com um período, mês, trimestre, são consideradas fixas. O salário dos colaboradores é um exemplo de gasto fixo.

Já as despesas que não são frequentes, como manutenção de um veículo quebrado, se enquadra em variável.

Identificar a situação do setor financeiro dá a possibilidade de identificar quais erros devem ser corrigidos. Analise o histórico do setor e peça ajuda de membros da equipe com conhecimento nesta área.

Faça um planejamento estratégico de curto e longo prazo. Mudanças bem direcionadas permitirão agilidade e eficiência neste controle financeiro da transportadora ou embarcadora.

Monitore os processos

Como destacamos acima, é fundamental reconhecer as saídas e receitas da transportadora. Entretanto, esse processo precisa ser contínuo e seguir um padrão. Monitorar o fluxo de trabalho da empresa vai garantir que você compreenda estão os erros e de que maneira conseguirá corrigi-los.

Sistemas de gerenciamento específicos para área do transporte são importantes aliados nesta função. Se a empresa não possui essa tecnologia, analise o custo benefício de uma contratação.

Softwares de gestão organizam operações, apresentam resultados e fornecem informações que manualmente demandam tempo.

Para colocar em prática o que é bid, o profissional de logística deve, primeiramente, realizar um planejamento financeiro do setor.

Para colocar em prática o que é bid, o profissional de logística deve, primeiramente, realizar um planejamento financeiro do setor.

Estimule a comunicação

A comunicação entre colaboradores está sempre em pauta, no entanto, ainda é motivo de falhas na economia de recurso.

O trabalho dentro de uma transportadora ou embarcadora depende de vários profissionais e cada um tem responsabilidade no produto final. Isto é, um erro no prazo da documentação é responsável por atrasar a demanda em outros setores, criando uma verdadeira bola de neve de problemas.

Funcionários que conversam constantemente evitam situações embaraçosas como esta.

Como responsável pela logística da transportadora, você deve estimular o diálogo, e principalmente, colocar em prática. Oferecer palestras informativas, dinâmicas em grupo ou até mesmo, bonificações aos setores que apresentarem redução de falhas é válido.

Conheça as condições da frota

Outra forma de você saber como bidar está em manter a frota em perfeitas condições. Realizar a manutenção preventiva dos veículos gera custos, mas nada comparado ao atraso gerado com defeitos no veículo durante a entrega de uma carga importante. Além de atrasar a entrega, o conserto custa mais caro que a manutenção.

Por isso, não ignore as condições dos veículos de transportes que sua empresa oferece, caso seja uma transportadora. Uma irresponsabilidade dessas pode colocar em risco a operação e prejudicar a imagem da empresa no mercado de logística.

Alguns itens de manutenção que pedem controle frequente:

  • Despesa com combustível;
  • Condições dos pneus;
  • Quilometragem do veículo;
  • Substituição de peças;

Vistoriar caminhões que enfrentam viagens constantes é obrigatório se o objetivo é fazer bid no setor de transportes.

Cuidar da frota de veículos é uma forma de bidar

A frota de veículos é uma das principais partes da imagem da empresa, mantenha em boas condições de rodagem, essa é uma das formas de bidar. 

Controle de frotas de caminhão – Como fazer

Contrate um sistema de cobrança de pedágio

Obter o serviço de cobrança eletrônica de pedágio é uma alternativa para reduzir custos na área de logística, ou seja, de bidar. Alguns gestores ainda são resistentes à esse tipo de tecnologia, mas na prática, elas geram muita economia.

Atualmente, as opções de fornecedores com o serviço são extensas e os preços cobrados também. Entre as possibilidades, está a de o usuário escolher por planos pré-pago ou pós-pago.

A recomendação é encontrar um sistema que tenha boa reputação e esteja dentro do perfil da empresa, como por exemplo, ofereça cobertura nas regiões onde a empresa atue.

Algumas das vantagens de contar com o dispositivo (ou ‘tag’, como são conhecidos) estão na redução no tempo de viagem (evitando várias filas nos postos de pedágio), controle de recursos e maior segurança. 

Otimize o controle de rotas

Se ainda resta dúvida de o que é bidar, as ferramentas de cálculo automático de rotas são uma das principais alternativas para entender melhor este conceito importantíssimo.

A tecnologia oferece aos profissionais de logística a possibilidade de saber o custo total da viagem (combustível, pedágios e frete mínimo) em poucos cliques.

O processo é simples e indicado para qualquer empresa que busca poupar tempo e custos.

A QualP é uma das plataformas reconhecidas no mercado de gestão de pedágios. A ferramenta web possui duas versões, o Qualp Free e Qualp Pro.

O QualP Free pode ser usado sem custo nenhum e oferece a soma total dos pedágios de acordo com o trecho solicitado. Ele também indica ao usuário rotas alternativas (com menos postos de pedágio), gasto com combustível e o valor de frete mínimo por eixo seguindo a tabela ANTT.

Já a versão completa, QualP Pro, é perfeita para empresas de logística, embarcadoras e transportadoras.

Nesta opção o coordenador tem disponível atualizações diárias de valores, relatórios de atividades, postos de combustível parceiros e outras facilidades. A tecnologia evita que você passe horas calculando dezenas de rotas e possíveis erros de somas, pois ela calcula diversas rotas em poucos minutos, basta listar os trajetos em uma planilha e enviar para a ferramenta.

O QualP Pro é fundamental para controlar os gastos e obter a visão mais ampla de como bidar. O acesso ao aplicativo do QualP Pro é adquirido por crédito pré-pago. Desta forma, o gestor de frota ou embarcador acompanha de perto todos os gastos.

O recomendado é que cada empresa escolha o valor dos pacotes de créditos de acordo com a média de viagens no mês. Hoje os valores variam de R$ 25 até R$ 12 mil.

Veja de forma detalhada o sistema de cobranças da QualP Pro:

Crédito     Valor por Crédito    Valor do Pacote          Desconto

50                 R$ 0,50            R$ 25,00                       0%

100                 R$ 0,45             R$ 45,00                       10%

 500                 R$ 0,40             R$ 200,00                      20%

1.000               R$ 0,30             R$ 300,00                      40%

3.000               R$ 0,25             R$ 750,00                      50%

5.000               R$ 0,20             R$ 1.000,00                   60%

25.000             R$ 0,18             R$ 4.500,00                   64%

50.000             R$ 0,15             R$ 7.500,00                   70%

100.000           R$ 0,12             R$ 12.000,00                 76%

Ganhe 50 créditos para experimentar o Qualp Pro AGORA

 

Outras formas de como bidar

 Diversas ações, por menores que sejam, também representam formas de bidar.:

  • Realizar uma pesquisa aprofundada do mercado de fornecedores, seja de produtos ou de serviços, com o objetivo de encontrar os melhores preços;
  • Buscar melhoria no processo de negociação, visando melhores contratos para a empresa;
  • Lembrar que o preço é importante, mas não é tudo. Bidding está relacionado à custo-benefício, portanto leve isso em consideração em suas tomadas de decisão.
  • No encerramento de ciclos, é importante realizar uma análise aprofundada para identificar os resultados. O bid deve ter valido a pena para a empresa, caso contrário, deve ser revisado.

Respondida a dúvida de o que é bid no setor de transportes? Baixe o ebook: Cálculo de pedágio para caminhões – Poupe tempo e reduza custos e entenda tudo sobre bidding com pedágios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *